Mulheres pagam mais que os homens pelo mesmo produto.

Original em inglês Tradução: Fabíola Ladeira

O Departamento de Assuntos do Consumidor (DCA) da cidade de Nova York é responsável pela manutenção de um mercado justo e vibrante. Para este fim, DCA realizou um estudo sobre preço sobre os produtos divididos por gênero na cidade, em vários setores. As indústrias estudadas para este relatório incluem: brinquedos e acessórios, roupas infantis, roupas de adultos, produtos de cuidados pessoais e produtos de casa e saúde para idosos. Este estudo reflete a vida de consumidor médio, desde bebês à idosos, proporcionando um olhar sobre as experiências dos consumidores de todas as idades.

Foram comparados cerca de 800 produtos com versões femininas, de mais de 90 marcas vendidas em 24 lojas varejistas de New York, tanto online quanto lojas físicas.

Descobertas 

Em média, em todas as cinco indústrias, DCA descobriu que produtos femininos custam 7% mais do que os produtos semelhantes para homens. Especificamente:

  • 7% mais por brinquedos e acessórios
  • 4% mais para a roupa das crianças
  •  8% mais por roupas de adultos
  • 13% em produtos de cuidados pessoais
  • 8% mais para produtos de casa e saúde para idosos

Em 30, das 35 categorias analisadas, os produtos para os consumidores do sexo feminino foram mais caros do que aqueles para os consumidores do sexo masculino. No total, DCA descobriu que produtos femininos custam a mais 42% das vezes, enquanto produtos masculinos custam mais 18%.

2
Diferença entre o preço de um patinente: para garotos o custo é de $24.99, para garotas o custo é de $49.99.

Tabela da frequência da disparidade de preços

www1.nyc.gov assets dca downloads pdf partners Study of Gender Pricing in NYC.pdf

Impacto

Ao longo da vida de uma mulher, o impacto financeiro destas disparidades de preços com base no gênero é significativo. Em 1994, o Estado da Califórnia estudou a questão dos preços com base no gênero e estima-se que as mulheres efetivamente pagam um “imposto de gênero” anual de aproximadamente $ 1.351 dólares para os mesmos serviços que os homens.

4
A blusa masculina custa $48, já a blusa feminina vendida como “blusa do namorado” custa $78.

Enquanto estudo do DCA não estimar um impacto financeiro anual de preços de bens de gênero, os resultados deste estudo sugerem que as mulheres estão pagando milhares de dólares a mais ao longo de suas vidas para comprar produtos semelhantes ao dos homens.

Embora possa haver motivos legítimos atrás de alguma parte das discrepâncias de preços descobertos neste estudo, os preços mais elevados são principalmente inevitáveis para as mulheres. Os consumidores individuais não têm controle sobre os têxteis ou os ingredientes utilizados nos produtos comercializados para eles, e devem fazer escolhas de compra com base apenas no que está disponível no mercado. Como tal, as escolhas feitas por fabricantes e retalhistas resultam em um maior encargo financeiro para os consumidores do sexo feminino do que para os consumidores do sexo masculino.

Estudo completo em pdf em inglês aqui.

 

//giphy.com/embed/xTk9ZXNiohmIsGz5kc

via GIPHY